windows logo

Links simbólicos no Windows (ou qualquer outro sistema operacional) podem ser muito úteis quando você precisa de uma referência de uma pasta ou arquivo em um local diferente do que ela/ele realmente está, seja dentro ou fora do sistema de arquivos local. O que eles fazem é simplesmente criar um caminho (atalho) apontando para a pasta ou arquivo original para “enganar” (digamos) a maioria dos softwares.

Podem ser meio complicados de se entender à princípio, porém, tome como exemplo os sistemas de armazenamento na nuvem, como o Google Drive ou demais. Você só poderá compartilhar arquivos do sistema local de arquivos com o Google Drive se a pasta ou arquivo que deseja compartilhar estiver dentro da pasta de compartilhamento original do mesmo. Para resolver este problema, podemos criar um link simbólicos dentro do Google Drive, e seus arquivos serão compartilhados da mesma maneira, como se a pasta original estivesse dentro da pasta de compartilhamento do Google Drive.

Além disso, não estamos falando apenas em arquivos locais, ou seja, se você utilizar qualquer pasta que está na rede, também poderá criar links simbólicos para ela.

Vamos ver como criar um link simbólico no Windows sem complicação.

Criando links simbólicos no Windows

Primeiramente, escolha uma pasta qualquer do seu Windows para criar um link simbólico em outro local. No meu caso, vou gerar um link simbólico de uma pasta que está na minha área de trabalho do Windows para dentro da pasta de compartilhamento do Google Drive.

Para isso, faça o seguinte:

Abra o prompt de comando com privilégios administrativos. Isso é bem simples para ser realizado, basta clicar em “Iniciar”, digitar “cmd”, clicar com o botão direito do mouse sobre o ícone do “Prompt de comando” e escolher a opção “Executar como administrador”;

Prompt de comando como Administrador no Windows 7

Prompt de comando como Administrador no Windows 7

Prompt de comando como Administrador no Windows 8

Prompt de comando como Administrador no Windows 8

Agora vamos utilizar o comando mklink para gerar o link simbólico. Este comando tem a seguinte sintaxe:

MKLINK [[/d] | [/h] | [/j]] <Link> <Destino>

Veja de forma mais detalhada os parâmetros:

  • /d – Para um diretório (pasta)
  • /h – Para um arquivo qualquer
  • /j – Para criar uma junção de diretórios
  • <Link> – Simplesmente o caminho/nome do link simbólico
  • <Destino> – A pasta ou arquivo original

Antes de você criar qualquer link simbólico, saiba que mesmo que pareça que você está mexendo em outra pasta ou arquivo, tudo o que for alterado dentro de um arquivo simbólico também será alterado na pasta ou arquivo original, por exemplo, edições, exclusões e adições serão apontadas diretamente para a pasta original.

Para o meu exemplo de link simbólico, minha pasta que está na Área de Trabalho chama-se “screenshots” e vou criar uma ligação simbólica dentro da pasta do Google Drive chamada de “Ligação Simbólica de ScreenShots”. Veja como ficou o comando:

mklink /d "C:\Users\LuizOtávio\Google Drive\Ligação Simbólica de ScreenShots" "%userprofile%\desktop\screenshots"

Veja imagens do comando executado:

Executando o comando

Executando o comando

Comando executado com sucesso

Comando executado com sucesso

Link simbólico gerado dentro da pasta do Google Drive

Link simbólico gerado dentro da pasta do Google Drive

Arquivos sendo sincronizados

Arquivos sendo sincronizados

Como você pôde perceber, com o Link Simbólico gerado dentro da pasta do Google Drive, a gente meio que “engana” o sistema, fazendo com que ele sincronize o conteúdo da pasta original, mesmo que esta pasta não esteja realmente dentro da sua pasta de compartilhamento oficial.

Vídeo tutorial

Abaixo um vídeo tutorial complementando o conteúdo do texto acima:

Espero ter ajudado.