Alias para comandos no terminal do Linux

Alias para comandos no terminal do Linux são uma espécie de atalho ou apelido que você da para comandos maiores afim de agilizar a utilização do terminal. Isso pode ser muito útil para aqueles que matem servidores ou que costumam digitar comandos grandes sem uma interface gráfica.

O histórico do terminal juntamente com o complemento de comandos apenas pressionando a tecla “TAB” já ajudam bastante, porém, nada mais conveniente do que trocar dez palavras complicadas de comandos por apenas uma palavra que já é de seu conhecimento e que é simples para ser lembrada.

Por exemplo, usuários de várias distros do Linux costumam digitar comandos para atualizar pacotes do sistema com apt-get, dnf/yum ou pacman. Apesar de comandos pequenos, algumas vezes é preciso utilizar mais de um comando e apenas uma linha, por exemplo:

sudo apt-get update && sudo apt-get upgrade

Você poderia utilizar um alias chamado de “atualiza” para resumir tudo o que foi escrito acima. Vamos ver como.

Criando um alias temporário no terminal do Linux

Para criar um alias temporário, simplesmente digite:

alias atualiza='sudo apt-get update && sudo apt-get upgrade'

Agora toda vez que você digitar a palavra “atualiza”, o comando descrito acima será executado e os pacotes necessários serão atualizados.

Um problema com o alias acima é que ele não será permanente, assim que você fechar o terminal, o mesmo deixará de existir. Vamos ver como criar aliases permanentes.

Criando aliases permanentes

Para criar um alias permanente, podemos editar tanto o arquivo “.bashrc” quanto criar um arquivo específico chamado de “.bash_aliases” (que é o mais recomendado). Ambos os arquivos estão presentes na nosso “home” do sistema.

Vamos criar o mesmo alias descrito anteriormente, porém dessa vez vamos torna-lo permanente.

echo "alias atualiza='sudo apt-get update && sudo apt-get upgrade'" >> $HOME/.bash_aliases
bash

Pronto, agora este arquivo é permanente e sempre que você digitar “atualiza”, o comando acima será executado.

Caso tenha digitado algo de maneira incorreta, você pode utilizar o nano para editar o arquivo .bash_aliases. Veja:

nano .bash_aliases

Edite conforme precisar, pressione “CTRL” + “O” para salvar, “CTRL” + “X” para sair. Se preferir adicionar mais aliases utilizando o próprio nano, simplesmente vá adicionando quantos aliases quiser, linha por linha no arquivo .bash_aliases.

Exemplo:

Mais de um alias criado

Mais de um alias criado

Sempre que você adicionar um alias, digite “bash” para que ele entre em ação sem que você precise fechar nada.

Vídeo tutorial

Link do vídeo: http://youtu.be/cvsHuAHtWBQ