Criptografia com o VeraCrypt - Linux e Windows

Se você utiliza um computador por algum tempo, provavelmente salvou coisas importantes em um disco rígido e mantem tais dados a salvo até hoje. Já parou para pensar que alguém poderia roubar seu computador ou até mesmo apagar seus preciosos arquivos em uma fração de segundos? Ou pior, ler algo dentro dos seus arquivos que o faça perder dinheiro ou algo relacionado?

É muito importante que você pense em segurança quando estamos tratando sobre dados importantes, talvez proteger os arquivos com senha, fazer um backup e dormir tranquilo nas noites seguintes. O problema com alguns dos métodos que encontramos por aí, é que eles não são nem um pouco seguros, o que seria uma festa para os hackers e entusiastas de plantão caso encontrem algo seu na rede.

Neste tutorial vou falar sobre o método mais seguro até o momento para salvar seus dados, a criptografia. Para ser um pouco mais específico: Criptografia com o VeraCrypt, que é um programa que é baseado no falecido TrueCrypt, conhecido por casos onde nem o FBI conseguiu descriptografar os dados para conseguir acesso.

O VeraCrypt pôde ser baseado no código original do TrueCrypt porque o mesmo foi criado no modelo Open Source, e qualquer um poderia fazer melhorias no código case precisasse ou quisesse.

Se você quiser ler mais sobre as histórias de ambos, VeraCrypt e TrueCrypt, leia abaixo:

No vídeo tutorial ao final do artigo, mostro como instalar e utilizar o VeraCrypt no Linux (Fedora), porém, ele também funciona de maneira extremamente similar no Windows e Mac OS.

Para adicionar, será necessário que você baixe o VeraCrypt pelo site oficial, segue o endereço:

Não importa se você estiver utilizando Windows ou Linux, a usabilidade do programa é praticamente a mesma para ambos.

Criptografia com o VeraCrypt – Linux e Windows

O vídeo tutorial abaixo descreverá de maneira básica e simples o que você precisa fazer para criptografar seus dados com o VeraCrypt.

Link do vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=0s4EgqryTss

Caso tenha dúvidas ou comentários, sinta-se à vontade para escrever abaixo ou em nosso vídeo.